A Mariana tem 27 anos, gosta de um bom copo de vinho e cozinhar pratos vegetarianos. O seu cabelo é uma característica bastante marcante nela e por causa dele já ganhou vários concursos.

Esta é a sua história. Qual é a tua?

Falar do meu cabelo hoje em dia até é fácil pois tenho uma relação de amor/ódio com ele – quem tem caracóis vai entender. Há uns anos, não era.
Tinha vergonha por ser diferente do habitual, por ser super volumoso e ao mesmo tempo sem jeito nenhum. Andava sempre com ele preso por um elástico e uma fita e nunca o soltava. Quando finalmente ganhei coragem de fazê-lo fui muito gozada na escola.


Fiz umas quantas asneiras ao longo de anos, pintei-o várias vezes, cheguei a fazer uma descoloração e 5 alisamentos. Houve uma altura (já mais crescida) que decidi parar porque ele já estava bastante estragado e feio, sem brilho e sem forma. Os caracóis requerem trabalho, dedicação e paciência – que eu não tinha – e sempre optei pelo mais prático, então passei a esticá-lo sempre, só no verão é que o usava ao natural.

Agora adoro o meu cabelo

Há cerca de 3 anos decidi comprar uma prancha a vapor e foi a melhor coisa que fiz e meninas acreditem: aconteceu um milagre! O meu cabelo tornou-se super macio, sedoso, brilhante e cheio de vida. Mudou completamente em relação ao que estava quando esticava com outras pranchas que só me partiam os fios. Agora adoro o meu cabelo, não o trocava por nada e tampouco volto a pôr tintas ou outro tipo de produtos nele!

Costumo andar com ele esticado mas às vezes deixo-o ao natural. Penso que ao longo destes anos, ainda que o estique frequentemente, passei a aceitá-lo e a gostar dele como é. As pessoas, inclusive as cabeleireiras, dizem que é a minha imagem de marca e elogiam imenso.

Ganhei até um concurso de uma marca e haircare! Sem dúvida que o meu cabelo define aquilo que sou: espontânea, livre e rebelde.

Que todas ganhemos este amor, não só pelos nossos cabelos mas também por nós próprias, por aquilo que somos, pela nossa essência. Que nos aceitemos e que sejamos autênticas sempre!

Creator

Raquel Farinha

Temas Relacionados